Após morte da esposa, Renato Kalil diz a polícia que ela sofria de ‘irritabilidade frequente’ e se tratava com psiquiatra

Ilana Kalil morreu aos 40 anos de idade

Após morte da esposa, Renato Kalil diz a polícia que ela sofria de 'irritabilidade frequente' e se tratava com psiquiatra
(Foto: Reprodução)

Estamos diante de uma possível tragédia na família do famoso médico Renato Kalil. É que a sua esposa, Ilana Kalil, morreu na madrugada de segunda-feira (14), depois de uma publicação misteriosa nas redes sociais. Até então, Ilana não dava indícios de que poderia cometer um ato contra a própria vida. Mas o caso está sendo investigado como suicídio consumado.

De acordo com o portal UOL, Renato Kalil disse a polícia que a mulher sofria com ‘irritabilidade frequente’. Por conta disso, ela fazia tratamento regular com um psiquiatra.

A Secretaria de Segurança Pública de São Paulo informou que o caso está registrado na 89ª DP de São Paulo como suicídio consumado por disparo de arma de fogo, mas ainda em investigação. Por isso mesmo, a polícia pediu para que um médico legista comparecesse a casa da família. A ida do legista é para tirar a prova de que outra pessoa não manuseou a arma de fogo. Também para que possa elucidar o caso, a polícia pediu um exame toxicológico da vítima.

Polêmica profissional

Renato Kalil, até então, era um dos médicos mais respeitados no mundo das celebridades. Mas, um caso polêmico pode ter manchado a sua reputação. Em 2021, Shantal Verdelho acusou o médico de violência obstétrica no parto normal de sua filha, Domêninca. Segundo ela, Renato Kalil disse palavrões enquanto trabalhava no seu parto. Para que pudesse reforçar os seus argumentos, Shantal ainda revelou vídeos do momento.

Para a defesa do médico, não resta dúvidas de que o vídeo passou por uma edição. Em nota à imprensa, Renato Kalil disse que não cometeu nenhuma violência obstétrica, pois o vídeo teria sido editado, afim de, induzir as pessoas ao erro.

“A fim de comprovar sua ética e retidão profissional, e está à disposição das autoridades para colaborar com todas as investigações para demonstrar sua inocência.”

  • Após morte da esposa, Renato Kalil diz a polícia que ela sofria de 'irritabilidade frequente' e se tratava com psiquiatra
  • Após morte da esposa, Renato Kalil diz a polícia que ela sofria de 'irritabilidade frequente' e se tratava com psiquiatra
  • Após morte da esposa, Renato Kalil diz a polícia que ela sofria de 'irritabilidade frequente' e se tratava com psiquiatra

F5 Notícias

As últimas notícias de todas as celebridades na ponta do seus dedos, para você ler, curtir, compartilhar e amar. Dicas para você ficar sempre por dentro.