Xanddy Harmonia é acusado de intolerância religiosa por atriz: “Me decepcionei bastante”

Luana Xavier não gostou do cantor ter suprimido trecho de música

Xanddy Harmonia (Foto: Reprodução/Instagram/xanddyharmonia)

No último domingo (4), o cantor Xanddy, do Harmonia do Samba, cumpriu mais um compromisso da sua agenda lotada. A banda de Axé fez uma apresentação na “Festa Oxente“, no Rio de Janeiro, mas uma polêmica veio à tona. A atriz Luana Xavier marcou presença no show, contudo se sentiu decepcionada. A atriz conta que é fã da banda, porém não gostou quando o cantor, Xanddy Harmonia, pulou um trecho da música “Raiz de Todo Bem”, muito conhecida na voz de Saulo. Assim, a atriz acusa o vocalista de intolerância religiosa.

Um dia após a apresentação do grupo de Axé, Luana Xavier usou o seu Instagram para relatar o acontecimento. A atriz inicia o longo texto afirmando que é fã do Harmonia do Samba, contudo, ficou decepcionada com a atitude do vocalista, Xanddy.

“Já fui em inúmeros shows deles: aqui no Rio, em Salvador e até em Vitória. Mas hoje me decepcionei bastante com o Xanddy Harmonia”

A atriz relata que só começou a filmar Xanddy cantando a música, “Raiz de Todo Bem”, após um minuto do início da letra, visto que, não acreditou no que estava presenciando. Luna conta que o artista passou a música inteira deixando de cantar um trecho que mencionava a religião, Candomblé. Além disso, a atriz afirma que Xanddy não deveria ter colocado a música no repertório.

“Xanddy suprimiu a frase “do canto Candomblé” durante toda a música. Um desrespeito sem tamanho. Se por questões religiosas, morais ou seja lá o que for, ele não pode pronunciar a palavra “Candomblé” então deveria tirar essa música do repertório”

No seu longo texto, Luana também justifica o porque do desabafo logo após o show do Harmonia do Samba. Além disso, reforça o pedido de respeito para com a religião.

“Mas Luana, você foi se divertir em um show e já voltou problematizando? SIM! E sabe por que? Porque durante anos o Candomblé foi uma religião proibida de ser exercida. Toques de Candomblé eram caso de polícia. E para tristeza do povo de axé, voltamos a essa era das trevas, onde muitos terreiros estão sendo invadidos por fundamentalistas religiosos. Portanto precisamos falar SIM sobre intolerância religiosa. E ao cantor Xanddy Harmonia fica aqui o meu apelo… apelo de alguém que sempre admirou o trabalho dele: Respeite o nosso sagrado!” 

Fonte: G1

Conheça o autor do artigo:
: As últimas notícias de todas as celebridades na ponta do seus dedos, para você ler, curtir, compartilhar e amar. Dicas para você ficar sempre por dentro.
veja todos os artigos
artigos relacionados Leia também:
especial
Os melhores cartões de 2024 Conteúdo desenvolvido por especialistas em crédito